Água de Suzano, Mogi das Cruzes, Poá e da região do Alto Tietê está contaminada com agrotóxicos, segundo estudo.

Agua de Suzano.png

Uma investigação conjunta da Agência Pública, Repórter Brasil e a organização suiça Publi Eye mostra que uma mistura de diferentes agrotóxicos foi encontrada na água presente nas torneiras dos brasileiros.

De acordo com a pesquisa, entre os anos de 2014 e 2017, as empresas de abastecimento de 1.396 municípios detectaram todos os 27 pesticidas que devem ser testados, segundo a legislação vigente.

Os resultados dos testes fazem parte do Sistema de Informação de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (Sisagua).

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), desse total de agrotóxicos, 16 são classificados como altamente tóxicos e 11 estão associados a doenças crônicas como câncer, malformação fetal, disfunções hormonais e reprodutivas.

Entre as localidades que apresentam contaminação múltipla (mapa abaixo), estão Mogi das Cruzes, Suzano e todas as cidades que formam o alto Tietê, além de diversos municípios da região metropolitana de São Paulo.

Agua de Suzano Mapa.png

O estudo completo para consultar a situação de cada município pesquisado pode ser consultado no link https://apublica.org/2019/04/coquetel-com-27-agrotoxicos-foi-achado-na-agua-de-1-em-cada-4-municipios-consulte-o-seu/